Revista Rua

Lifestyle. Ao Volante

Hyundai I20

Prático, económico e transversal

Redação

Texto: Redação |

Este mês foi o Hyundai I20 o carro testado pela Revista Rua.

O seu ar simples, de linhas sóbrias que fazem a harmonia entre o citadino prático e económico, com o toque desportivo e cosmopolita que se exigem aos automóveis do século XXI. Prático, económico e transversal são as palavras que melhor definem este citadino da Hyundai. 

Comecemos pelo fim. Transversal. Este I20 tanto pode ser o carro da dona de casa que apenas precisa de deslocar na cidade, como o do jovem recém encartado que quer um automóvel para as primeiras aventuras em estrada. De linhas simples mas desportivas, com equipamento de série extremamente completo e capaz de dar resposta às mais elementares exigências tecnológicas, tanto ao nível da conectividade como da diversão e segurança, o seu motor aparentemente modesto consegue prestações em estrada bastante surpreendentes para a expectativa que temos quando o conduzimos pela primeira vez. Em curva e quando provocado em situações mais extremas vem naturalmente ao de cima mais limitações ao nível do chassis e da suspensão, ambos concebidos para o conforto nas voltas da cidade e não para a impetuosidade de uma condução mais irreverente. Mas nem nisto podemos dizer que o I20 é deslocado tendo em conta o seu segmento. Ele é um citadino, não um desportivo.

No interior podemos encontrar linhas modernas, sem grandes complicações, mas com a sobriedade e funcionalidade que se exige a um veículo desta natureza. A conjugação de cores de luminosidade, com os tecidos e materiais utilizados parece ser bastante razoável. 

O I20 é prático porque tem tudo o que precisa. É focado na funcionalidade e é um passo bastante grande em termos de design e conceção em relação ao seu antecessor. De resto e em termos de consumos, a versão ensaiada 1.4 cm3 diesel, consegue consumos na ordem dos 5,5l/100km o que é uma marca extremamente agradável para o segmento.

 


Relacionados

4 vídeos 817 followers