Revista Rua

Observar. Talento

Partir para arranjar

Texto: Beatriz Gomes |

Chama-se Fernando Mendes, tem 22 anos e é de Braga. Em 2012 entrou no curso de Engenharia Informática na Universidade do Minho. De momento está no quinto ano, é mentor do Cesium e mentor e organizador do Coderdojo. No dia 8 de Outubro deste ano foi-lhe entregue no Pixels Camp, em Lisboa, o prémio que distingue “estudantes que se destacam não só pela sua performance académica mas também por irem mais além do que lhes é exigido" no ensino superior. Esta foi a primeira edição do prémio que foi criado pela startup portuguesa Feedzai, e equivale a um ano de propinas.

Para Fernando, receber este prémio é “o culminar de muito esforço, sacrifício e vontade de experimentar coisas novas”. Para além do prémio que recebeu, o aluno da Universidade do Minho deu uma palestra sobre “Bloom Filters”, e ganhou um Quiz, juntamente com a sua equipa, também no Pixels Camp. 

Neste momento, está a criar um projeto de voluntariado informático com um grupo de amigos onde usam as capacidades de informática para “ajudar os outros e tornar o dia de alguém mais sorridente”. 

Para os estudantes de Engenharia Informática, o jovem programador deixa uma mensagem, “Façam o que gostam. Informática não é só ficar na aula a tirar apontamentos e a ouvir professores. É seguir o que gostamos, ser curiosos, explorar. Se eu tivesse ficado pelo que se dá nas aulas morria de sono. Mas aproveitei o meu tempo e comecei a procurar coisas que não eram ensinadas. Acima de tudo comecei a procurar como partir coisas e depois arranjá-las, e continuo a fazê-lo”.

 


Relacionados

4 vídeos 725 followers 2 posts