Revista Rua

2020-05-13T14:36:18+00:00 Opinião

3 dicas para aprender a poupar em Família

Finanças Pessoais
Carina Meireles
Carina Meireles
15 Maio, 2020
3 dicas para aprender a poupar em Família

As finanças pessoais são deveras importantes! Porque não começar em família? E porque estamos no mês onde o dia 15/05 é o Dia Internacional da Família é importante falar em poupança em família. Para isso, toda a família deve estar envolvida para conseguir chegar a um equilíbrio nas contas e aproveitar para introduzir conceitos importantes nos filhos, que podem fazer a diferença na gestão orçamental. É preciso um planeamento eficaz e eficiente para poderem existir resultados. E porque não começar já?

Aqui vão algumas dicas:

Anote todas as despesas mensais

É muito importante termos o controlo das nossas despesas. Para isso, temos que saber exatamente quais as despesas fixas e variáveis.

Esta dica é muito importante para podermos poupar e saber como fazê-lo todos os meses. O grande objetivo é depois de todas as despesas anotadas, que pode fazer numa simples folha de papel, num ficheiro Excel ou através da plataforma Boonzi, que faz de uma forma muito simples e rápida a gestão das despesas, saber exatamente o que está a gastar. E isto não é mais do que a gestão de um orçamento familiar!

Defina objetivos de poupança

É importante definir objetivos de poupança para ter algo que nos motive a concretizar.

Ir mais além, definir mais do que um objetivo e por períodos de tempo diferentes.

Vejamos então, porque não definir um objetivo para daqui a um ano, poder ir de férias? Ora muito bem! Para isso tenho que poupar quanto por mês? Para onde quero ir? Quanto vai ser necessário gastar nessa minha viagem?

Depois destas questões analisadas, defina um plano de poupança para este objetivo que traçou e mãos à obra!

Faça as compras online nos hipermercados

Para não gastarmos mais do que o nosso orçamento, é muito importante sabermos exatamente o que pretendemos gastar e onde vamos gastar. Devemos ter sempre uma lista de compras, até para nossa organização de forma a não existirem desvios e comprarmos mais do que prevíamos. Devemos de preferência ver onde vamos comprar e analisar os preços antes de comprar, por exemplo os sites dos hipermercados, que podem ser uma grande ajuda, dado que nos permitem comparar preços e fazer as nossas compras sem sair de casa, aproveitando na mesma os descontos existentes.

E já sabe, falar destes assuntos em família é muito importante, é mais simples a consciencialização e criação de estratégias de poupança mais eficazes.

Em família somos mais assertivos, e podemos criar e partilhar hábitos de poupança, tão fundamentais para o nosso presente e futuro.

Não deixe de acompanhar estas e outras dicas na Revista Rua e através das redes sociais: Instagram, Facebook ou Linkedin.

Sobre a autora

“Olho para tudo na vida como um desafio, uma oportunidade para fazer algo diferente e para aprender coisas novas.”
Movida pelo conhecimento e a aprendizagem constante, que a levou a concluir o Mestrado em Gestão Comercial, seguido do MBA em Marketing e Direção Comercial. Com quase duas décadas de carreira na banca, é uma profissional com experiência consolidada na área financeira e comercial, com um vasto conhecimento teórico, prático e técnico neste sector, ajudando sempre desta forma quem a procura (particulares e empresas). Leva ainda toda esta experiência e know-how mais longe, partilhando-a em sala de aula enquanto Docente do Ensino Superior. Gosta de pessoas e de trabalhar com equipas. Mais recentemente, teve várias participações televisivas com rubricas financeiras e tem crónicas mensais em jornais e revistas sobre Finanças Pessoais e ainda uma rubrica semanal numa Rádio.

Partilhar Artigo: