Revista Rua

2019-09-17T14:45:17+01:00 Cultura

A 9ª edição do Festival de Artes “noc noc” leva ao público 290 projetos nacionais e internacionais

O Festival de Artes Guimarães "noc noc" tem como principal objetivo divulgar o trabalho de artistas contemporâneos emergentes.
©Rui Pedro Ribeiro
Redação17 Setembro, 2019
A 9ª edição do Festival de Artes “noc noc” leva ao público 290 projetos nacionais e internacionais
O Festival de Artes Guimarães "noc noc" tem como principal objetivo divulgar o trabalho de artistas contemporâneos emergentes.

É já nos dias 4, 5 e 6 de outubro que se realiza a  9ª edição do Festival de Artes Guimarães noc noc que este anos nos traz 290 projetos nacionais e internacionais das áreas da pintura, escultura, ilustração, fotografia, multimédia, artes circenses dança, musica, performance, teatro, poesia.

A call lançada em maio passado registou 290 projetos com a particularidade de ter alcançado em força a comunidade artística do Continente Africano. Da Guiné-Bissau chegarão ao Festival cerca de 50 artistas que vêm representar a cultura crioula das regiões de Cacheu e de Bissau.

Na programação desta edição, teremos cerca de 70 projetos da área da música e artes performativas, num puzzle de música, dança e artes cénicas. Os restantes 220 projetos distribuem-se pela pintura, vídeo e multimédia, escultura, fotografia, artesanato, ilustração e literatura. O roteiro por onde se distribui esta bomba cultural limita-se ao Centro Histórico de Guimarães, por casas particulares, edifícios devolutos, associações e instituições culturais, espaços comerciais, ruas e praças.

Como novidade nesta 9ª edição, será lançado o Catálogo de Artistas 2019 com menção a todos os artistas que participarão no evento, podendo ser mais um elemento, além do Mapa do Roteiro e da GZine, a ajudar os visitantes na seleção dos projetos e artistas a conhecer.

Partilhar Artigo: