Revista Rua

2020-06-30T12:08:00+00:00 Ao Volante, Atelier

BMW R nineT Scrambler – Honesta e irreverente

©Jörg Künstle
Redação
Redação29 Junho, 2020
BMW R nineT Scrambler – Honesta e irreverente

A R nineT Scrambler regressa à lendária época das scrambler e apresenta todas as marcas características deste tipo de moto extraordinária: uma forquilha telescópica com foles, um evidente silenciador escape elevado e jante dianteira de 19 polegadas. O discreto depósito de combustível em cinza monolith metalizado mate destaca o seu estilo purista. Além disso, as jantes de raios cruzados com pneus cardados opcionais deixam bem evidente que qualquer viagem pode continuar mesmo quando a estrada termina. O banco a imitar pele e o velocímetro analógico também são elementos apelativos. Existem outros pormenores de elevada qualidade como o farol redondo com o emblema BMW que lhe conferem a imagem clássica perfeita da família heritage.

O motor e o sistema elétrico são os componentes testados e comprovados da R nineT. O potente motor bicilíndrico boxer de refrigeração por ar apresenta uma cilindrada de 1170 cc e uma potência de 110 cv (81 kW) garantem uma experiência de condução muito dinâmica. Graças ao ABS de série e ao ASC opcional, toda esta potência será transmitida para a estrada com total segurança.

A posição de condução elevada e descontraída é uma das características principais de uma scrambler Não só tem uma imagem informal como também oferece uma sensação de condução descontraída. Até mesmo aqueles passeios demorados até à praia mais próxima são feitos sem esforço com o guiador mais elevado, em comparação com a R nineT, enchimento otimizado do banco e pousa-pés instalados em posição um pouco mais baixa e recuada.

Sinta o vento, aproxime-se de todas as curvas e sinta a liberdade a cada poucos metros – a BMW R nineT Scrambler permite que siga seu próprio caminho. Forte, espontânea e contra padrões estabelecidos, chegará até onde você quiser. Feita para quem procura uma mota pura e minimalista, fora de todas as regras.

Partilhar Artigo: