Revista Rua

2020-12-09T17:28:13+00:00 Ao Volante, Atelier, Radar

BMW iX: o novo topo de gama para 2021

Mais de que um carro o iX é a aposta da BMW num novo conceito.
©BMW
Redação
Redação9 Dezembro, 2020
BMW iX: o novo topo de gama para 2021
Mais de que um carro o iX é a aposta da BMW num novo conceito.

“Com seu design totalmente novo, preciso e minimalista, o BMW iX é o primeiro representante de uma geração pioneira de carros prontos para redefinir a experiência de condução, a sensação do espaço interno e a relação entre os veículos e os seu ocupantes.” É assim que marca bávara nos expõem e define o modelo (totalmente elétrico) que destronará o mítico e luxuoso Série 7 do topo de gama.

Com um comprimento próximo do X5 e altura e largura próxima de um X6, o iX apresenta-se como um SUV com formato Coupé, destacando-se pela enorme grelha, na linha ostentada pelo Série 4. O interior segue o estilo minimalista em consonância com os seus congéneres 100% elétricos de outras marcas, em que os ecrãs e controlos são reduzidos ao essencial. A abordagem tecnológica discreta do interior pode ser vista numa série de funcionalidades, incluindo altifalantes integrados, o design afilado das aberturas de ar, superfícies aquecidas e o Head-Up Display no painel de instrumentos quase invisível. O volante em formato hexagonal, e o BMW Curved Display – que faz parte do sistema operacional BMW de última geração – anunciam a abordagem futurística na conceção do interior. 

No que diz respeito a mecânica, este SUV recebe a quinta geração da linha motriz elétrica da BMW. Neste caso concreto, o BMW iX conta com dois motores elétricos que oferecem uma potência combinada superior a 500 cv (375 kW), permitindo uma aceleração dos 0 aos 100 km/h em menos de cinco segundos. Os motores elétricos são alimentados por uma bateria com uma capacidade de 100 kWh, anunciando a marca uma autonomia de 600 quilómetros em ciclo WLTP.  

As possibilidades de carregamento são múltiplas, incluindo a carga rápida em corrente contínua com uma potência de 200 kW que possibilita a recuperação de até 70% da carga em cerca de 40 minutos. Além disso, uma carga rápida de apenas dez minutos permite ganhar mais 120 quilómetros de autonomia. 

O lançamento do BMW iX está previsto para o final do próximo ano.

Partilhar Artigo: