Revista Rua

2022-01-13T15:41:25+00:00 Cultura, Em Destaque, Pintura

CIAJG sugere uma visita orientada ao acervo do museu

"Na Reserva" tem como objetivo dar a conhecer as particularidades das obras que se encontram guardadas.
©D.R.
Redação13 Janeiro, 2022
CIAJG sugere uma visita orientada ao acervo do museu
"Na Reserva" tem como objetivo dar a conhecer as particularidades das obras que se encontram guardadas.

O Centro Internacional das Artes José de Guimarães (CIAJG) propõe uma visita orientada às reservas do museu já no dia 15 de janeiro. A iniciativa Na Reserva tem como objetivo dar a conhecer as particularidades das obras que se encontram guardadas, bem como revelar peças oriundas de diferentes épocas, lugares e contextos. A visita acontece às 16h00 e é necessária a inscrição prévia.

Mostrar a extensão das coleções que se encontram ao abrigo do museu ao longo dos momentos em que repousam do olhar dos visitantes, em locais habitualmente não exploradas, permite vislumbrar e ao mesmo tempo refletir sobre formas culturalmente diversas de conhecer o mundo.

Partindo da premissa que um museu não se contempla apenas pela área expositiva, é certo que há uma panóplia de propostas que ficam por conhecer. Esse é o propósito da iniciativa do CIAJG: uma visita orientada, guiada por Diana Geiroto, pelos lugares onde as peças “descansam” e ganham força para regressar à exposição. Esse lugar é a reserva deste centro de arte contemporânea que reúne, em Guimarães, a coleção permanente de José de Guimarães, composta por arte africana, arte pré-colombiana, arte chinesa e um conjunto representativo da sua obra. No espaço museológico e partir de variados prismas e modos de conhecer e interpretar o mundo, o CIAJG faz conviver as coleções de diferentes origens em articulação com obras de artistas contemporâneos, propondo uma (re)montagem da história da arte, enquanto sucessão de ecos.

A ação Na Reserva é proporcionada pelo programa de Educação e Mediação Cultural d’A Oficina e é dirigida a públicos com mais de seis anos de idade. A participação carece de uma inscrição prévia. De salientar que o CIAJG mantem as suas portas abertas para dar a conhecer as exposições patentes de terça a sexta-feira, das 10h00 às 17h00, bem como aos sábados e domingos, das 11h00 às 18h00 – sendo que a entrada é gratuita aos domingos de manhã.

Partilhar Artigo: