Revista Rua

2022-12-23T16:09:55+00:00 Radar, Sabores, Vinhos

Conheça os novos Grainha do Douro

A marca de vinhos portugueses apostou num rebranding e apresentou os novos Grainha Reserva.
Redação23 Dezembro, 2022
Conheça os novos Grainha do Douro
A marca de vinhos portugueses apostou num rebranding e apresentou os novos Grainha Reserva.

Com o nome inspirado na grainha da uva, os vinhos Grainha fazem parte do portefólio da Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo. Com boa reputação no mercado desde o lançamento do primeiro Grainha, em 2005, a marca de vinhos revela agora a sua nova imagem e apresenta a colheita 2021 do Grainha Reserva.

“Desde o primeiro Grainha que pensamos em dois vinhos, um Reserva branco e um Reserva tinto, que demonstrassem o caráter das nossas terras, com um estágio em madeira e uma estrutura diferenciadora no Douro, revelando um enorme prazer à mesa”, relembra Luísa Amorim, CEO Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo a propósito da criação do Grainha. “Ao longo dos anos, a marca Grainha tornou-se uma referência incontornável dos vinhos portugueses, mantendo a consistência desde a primeira edição em 2005 (tinto) e 2006 (branco). Hoje damos mais um passo no reforço da sua identidade não deixando de ser um clássico num tempo cada vez mais avançado”, assegura, explicando que a nova imagem tem assinatura do Studio Eduardo Aires e presta homenagem à história da marca.

Com o selo de qualidade da Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo, o Grainha Reserva branco e o Grainha Reserva tinto são vinhos que trazem o Douro em cada gota. “O Grainha Reserva branco 2021 é um vinho que seduz pela sua frescura, mineralidade, intensidade aromática e estrutura firme”, explica a Diretora de Produção e Sustentabilidade na Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo, Ana Mota.  “De cor vermelha intensa com laivos violeta, o Grainha Reserva tinto 2021 demonstra uma excelente estrutura, taninos maduros de dimensão e amplitude, que refletem a suculência do ano e a mineralidade de uma colheita fresca”, acrescenta.

Para a equipa de enologia da Quinta Nova de Nossa Senhora do Carmo, Jorge Alves e Mafalda Machado, o Grainha Reserva branco 2021 que nasce nas terras altas do Douro “mistura as texturas, a frescura, o corpo redondo de uvas amadurecidas sem pressa, com a expressão de fruta fresca, de especiarias e notas de baunilha, num equilíbrio magnífico entre seriedade, tensão e delicadeza. É um branco com uma enorme complexidade que termina longo e muito preciso.” Já no Grainha Reserva tinto 2021 “reencontra-se o caráter do xisto duriense. Sofisticado desde o início, traz a dimensão do Douro em cada gota, inunda com uma generosa mistura de aromas frutados, densos e especiados, de textura sedosa, taninos finos e estrutura tridimensional, demonstrando a gravidade certa e a amplitude de um vinho muito equilibrado, que termina longo e com muita precisão”.

Partilhar Artigo: