Revista Rua

2021-02-17T15:54:26+00:00 Cultura, Literatura

Correntes d’Escritas regressa em formato online e com homenagem a Luís Sepúlveda

Esta edição vai focar-se na obra e legado de Luís Sepúlveda, escritor chileno que morreu no ano passado, vítima de Covid-19, poucos meses depois de ter participado no Correntes D’Escritas.
Redação
Redação17 Fevereiro, 2021
Correntes d’Escritas regressa em formato online e com homenagem a Luís Sepúlveda
Esta edição vai focar-se na obra e legado de Luís Sepúlveda, escritor chileno que morreu no ano passado, vítima de Covid-19, poucos meses depois de ter participado no Correntes D’Escritas.

Nos próximos dias 26 e 27 de fevereiro estreia a 22.ª edição do Correntes d’Escritas, o encontro de escritores de expressão ibérica promovido pela Câmara Municipal da Póvoa de Varzim.

Regressando num formato online, devidamente adaptado às provações dos tempos de confinamento, o grande evento literário abandona o Cine-Teatro Garrett e os locais habituais para provar que a cultura se consegue reinventar e sobreviver, mesmo nos momentos mais difíceis.

Os eventos realizam-se em mesas online e conversas entre autores. Ressalta-se a presença de uma grande panóplia de escritores de renome e de várias geografias da língua portuguesa e espanhola. Os temas das mesas têm por base afirmações de Luís Sepúlveda e citações retiradas das suas obras de referência.

O escritor chileno está, deste modo, em plano central da 22.ª edição, sendo homenageado em todas as vertentes do Correntes d’Escritas. Desta forma, proporciona aos leitores uma viagem pela sua vida e pelas suas várias vertentes, como homem, escritor, marido, amigo, ecologista, humanista e, acima de tudo, defensor da liberdade, pela qual lutou em todos os momentos da sua vida.

Mais informações sobre esta edição aqui.

Partilhar Artigo: