Revista Rua

2020-02-14T15:59:23+00:00 Bússola, Viagens

Dicas essenciais para quem quer viajar sozinho

Se quer viajar sozinho, deverá ter isto em consideração.
Redação
Redação14 Fevereiro, 2020
Dicas essenciais para quem quer viajar sozinho
Se quer viajar sozinho, deverá ter isto em consideração.

Não há nada que se compare à experiência de viajar sozinho pelo mundo. Embora, para alguns, possa despertar algum receio ou pareça uma ideia um pouco descabida e intimidadora, a verdade é que esta tendência está cada vez mais em voga.

Sair da zona de conforto, superar desafios ou traçar os seus próprios planos pode proporcionar vivências únicas e incomparáveis. Se nunca experienciou, mas está nos seus desejos para cumprir este ano, a RUA deixa-lhe alguns conselhos essenciais para que possa tirar o maior proveito da sua viagem.

 

Escolha o destino certo

A escolha do destino é o ponto de partida. Pesquise muito sobre a cidade, conheça as atrações turísticas, os pontos de interesse e os sítios que há para explorar, de forma a perceber se lhe interessa e se se sente confiante. Também ajuda se procurar algum tipo de informação mais pessoal, isto é, de alguém que já tenha visitado essa mesma cidade (um blogger de viagem, por exemplo), e conhecer a sua opinião mais sincera. Comece por destinos que sejam, logisticamente, mais fáceis.

Planeie o recurso detalhadamente e com antecedência

Depois do destino escolhido, comece a selecionar as atividades que quer fazer na cidade e circunde, num mapa, os monumentos ou pontos turísticos que vai querer visitar, de forma a conseguir traçar um roteiro. Para aproveitar ao máximo da experiência de viajar sozinho, o ideal é ir com tudo completamente planeado, para que não tenha de se preocupar com nada na ocasião. Conheça os meios de transporte que poderá utilizar e aproveite para comprar antecipadamente alguns bilhetes, tanto de deslocações como entradas em museus – procure, ainda, os horários das visitas guiadas em determinadas atrações, para que tenha uma experiência mais completa.

Escolha uma estadia num local seguro

Na hora de escolher a estadia, procure sempre ficar num local mais central e, consideravelmente, mais seguro. Por norma, quem viaja sozinho prefere ficar num hostel local, pelo que pode ser uma excelente forma para conhecer novas pessoas, que poderão partilhar algumas informações úteis para a sua estadia na cidade.

Verifique os documentos que precisa

Veja, com antecedência, que documentos necessita de levar para a sua viagem e tenha tudo pronto previamente.

O roteiro não acaba sem antes

Viver a rotina como um residente

Esteja atento aos hábitos e modos de vida dos habitantes da cidade para onde viaja. A experiência só ficará completa se conseguir mergulhar nos costumes, seja tomar um café num determinado local para começar a manhã, ver o por do sol em certo sítio, provar os pratos típicos, vivenciar tradições festivas ou explorar a vida noturna. Não tenha medo de arriscar. Só irá enriquecer a sua experiência.

Estar atento à forma como as pessoas comunicam

Da mesma forma que se torna interessante ter uma perceção dos modos de vida das pessoas locais, também é relevante estar atento à forma como os residentes comunicam, no intuito de conhecer alguns termos característicos dos habitantes.

Dominar o idioma local

Não há melhor forma de dominar uma língua estrangeira do que comunicar com quem é dessa mesma origem. Seja espanhol, inglês, francês, entre outras línguas mais difíceis de comunicar, procure explorar melhor o idioma, as suas especificidades ou as palavras mais comuns.

Partilhar Artigo: