Revista Rua

2019-02-21T10:58:50+00:00 Cultura, Dança, Música, Outras Artes

Esculturas sonoras interativas chegam ao gnration

Partilhar Artigo:
D.R.
Redação21 Fevereiro, 2019
Esculturas sonoras interativas chegam ao gnration
Partilhar Artigo:

No próximo sábado à tade no gnration, em Braga, podemos assistira uma escultura sonora interativa que é ao mesmo um espetáculo de dança e música.  c_Vib, acrónimo para Cymatics_Vibrating Interactive Boards, são quatro esculturas sonoras onde cada peça materializa o som, tornando-o palpável e sensível a ser “escutado” por outros sentidos que não só a audição.  “Chão”, “Arcos”, “Flor” e “Permanecer” compõem, tematicamente, as quatro esculturas sonoras, sugerindo cada escultura um imaginário e proporcionando ações, como contemplar, tocar, interagir e permanecer, com estes imaginários.

Um convite à contemplação ativa, em que o público é convidado a ver, ouvir e tocar em sucessivas inter-relações percetivas que conduzem a uma imersão multissensorial em som. A proposta do gnration para este sábado à tarde em família desdobra-se também em espetáculo/concerto, protagonizado por uma bailarina e um músico, em torno do mundo mágico destas esculturas que se revelam instrumentos de tocar e dançar.

Este projeto, da autoria de Simão Costa e Yola Pinto, revela plataformas visíveis de fenómenos vibratórios na construção de um processo amplificado de escuta. Escutar, dar atenção, com sentidos vários em que tato e visão integram uma experiência de um contacto alargado com o som. Uma viagem de ida e volta-e-meia entre material e imaterial, onde, ao invés de julgar o som como realidade imaterial, se olha e perscruta como se de matéria tangível se tratasse.

As várias esculturas do c_Vib vão estar à disposição do público, em formato instalação, a 22 de fevereiro (das 14h00 às 18h00) e 23 de fevereiro (das 10h30 às 16h30).

Partilhar Artigo: