Revista Rua

2019-02-04T17:49:06+00:00 Cultura, Música

Irreversible Entanglements em estreia em Portugal

O coletivo de free-jazz atuam quarta-feira no gnration, em Braga.
Redação
Redação4 Fevereiro, 2019
Irreversible Entanglements em estreia em Portugal
O coletivo de free-jazz atuam quarta-feira no gnration, em Braga.

Surgido em 2017, o coletivo de free-jazz Irreversible Entanglements é uma banda norte-americana cuja criação teve por base o protesto contra o abuso policial e o racismo. Camae Ayewa, mais conhecida por Moor Mother, é a líder deste projeto e reconhecida pela poesia intensa, numa voz da geração negra da América. Femininista, revolucionária e punk, Camae Ayewa é o rosto deste coletivo onde as palavras de protesto e de chamada de atenção para as comunidades marginalizadas ecoam em formato free-jazz.

Esta é a primeira vez que os Irreversible Entanglements atuam em Portugal. Trazendo o disco Moor Mother na bagagem, o coletivo apresenta-se no gnration, em Braga, esta quarta-feira, após passagens por Coimbra e Lisboa nos dias anteriores.

Partilhar Artigo: