Revista Rua

2020-09-08T18:17:41+00:00 Atelier, Moda, Radar

Jaeger-LeCoultre aposta na alta relojoaria e joalharia

Concebido excecionalmente para relógios de alta joalharia e apresentado pela Grande Maison, em 1929, o Calibre 101 veio revolucionar a relojoaria feminina.
Redação
Redação8 Setembro, 2020
Jaeger-LeCoultre aposta na alta relojoaria e joalharia
Concebido excecionalmente para relógios de alta joalharia e apresentado pela Grande Maison, em 1929, o Calibre 101 veio revolucionar a relojoaria feminina.

A Jaeger-LeCoultre pretende reforçar a aliança da alta relojoaria com a alta joalharia, através da apresentação de dois novos acessórios especiais que marcam o lançamento do seu Calibre 101 para a ribalta.

Concebido excecionalmente para relógios de alta joalharia e apresentado pela Grande Maison, em 1929, o Calibre 101 veio revolucionar a relojoaria feminina. Com uma dimensão particularmente minúscula, foi possível que os designers da marca alcançassem novos patamares de liberdade estética. O Calibre 101 foi desenvolvido muito antes do advento do design digital e da introdução da tecnologia de produção, tornando-se num notável feito para a marca e para o setor. Trata-se de um calibre de corda manual que consegue preservar o movimento mecânico mais pequeno do mundo, assim como um dos mais antigos ainda em produção. Ao longo dos últimos anos, o Calibre 101 figurou em vários relógios de alta joalharia da marca, assim como em criações especiais.

As novas propostas da marca recaem em dois relógios de diamantes, nos quais a equipa artística da Jaeger-LeCoultre adotou uma abordagem mais comum em joalharia, desenhando, primeiro, a forma das pulseiras e o estilo de incrustação das pedras preciosas, integrando as caixas e os movimentos nos designs. Ambas as pulseiras respeitam de forma fiel os códigos clássicos da alta joalharia e são compostas por ouro rosa, repleto de diamantes, sendo depois utilizadas apenas pedras classificadas de IF a VVS.

Snowdrop é inspirado nas flores brancas, em forma de sino, que crescem através de finas camadas de neve no Vallee de Joux. Este relógio exala delicadeza e feminilidade, destacando um círculo de diamantes que circunda todo o mostrador. Os designers da marca optaram por minimizar a presença do metal, permitindo que a luz atravessasse os diamantes por todos os ângulos. Esta técnica intensifica o brilho do relógio, criando a impressão de que os diamantes estão a flutuar na superfície da pulseira.

Bangle é um relógio inspirado na geometria elegante da Art Déco e nas formas do Modernismo do século XX. Bangle é uma expressão mais arrojada da feminilidade e surge num interessante jogo dinâmico de simetrias e assimetrias. A pulseira carrega quase mil diamantes, graduados em tamanhos para enfatizar as curvas do design, ao passo que os diamantes assumem um efeito tridimensional e maximizam um poderoso jogo de luz.

Partilhar Artigo: