Revista Rua

2021-02-15T14:28:00+00:00 Atelier, Moda

Mango, nova coleção sustentável poupa 30 milhões de litros de água

Menos impacto, um mundo melhor é o lema da campanha da Mango que transmite o espírito mediterrâneo a todas as linhas.
Redação
Redação15 Fevereiro, 2021
Mango, nova coleção sustentável poupa 30 milhões de litros de água
Menos impacto, um mundo melhor é o lema da campanha da Mango que transmite o espírito mediterrâneo a todas as linhas.

A Mango acaba de anunciar o lançamento da nova coleção denim, que surge com uma forte mensagem de sustentabilidade por detrás do conceito que revolucionou as práticas de produção da marca. Menos impacto, um mundo melhor é o lema da campanha da Mango que transmite o espírito mediterrâneo a todas as linhas.

Este é mais um passo no compromisso assumido pela marca, numa proposta de consciencialização para o impacto da indústria da moda, na tentativa de a tornar cada vez mais sustentável e responsável.  A coleção denim permitiu, através dos acabamentos escolhidos, poupar 30 milhões de litros de água, graças ao recurso a processos inovadores que contribuem para reduzir o impacto da produção têxtil. Neste momento, a coleção abrange as linhas Woman, Man e Kids, na intenção de fazer chegar os produtos sustentáveis a todos os públicos.

Alguns modelos foram produzidos através de tecnologias inovadoras, como o laser ou o ozono, com o intuito de proporcionar soluções mais sustentáveis e eficientes, tanto na lavagem como no acabamento de cada peça. Além disso, a qualidade e a atenção ao detalhe são elementos fundamentais que se destacam em cada produto, garantindo mais durabilidade das peças. Desta forma, a Mango pretende promover um estilo de vida mediterrâneo, relacionando o mar e a natureza, para que os clientes possam usufruir das peças em diferentes estações do ano.

A versatilidade e intemporalidade do tecido de ganga está presente nesta coleção destinada a todos os géneros, idades e tamanhos. Surge novamente o denim em tons de areia, em camisas e macacões, assim como o patchwork sobre saias, calças e casacos que adicionam carisma aos clássicos. Para a diretora de sustentabilidade da Mango, Beatriz Bayo: “Graças à inovação e à adaptação de tecnologias e processos sustentáveis, estamos a criar coleções que nos ajudam a reduzir a nossa pegada. Em colaboração com as restantes equipas e os nossos fornecedores de peças e tecidos, procuramos constantemente alternativas de produção e materiais mais sustentáveis”.

Firme no propósito de dar continuidade a esta campanha de consciencialização e redução do impacto ambiental, promovendo um modelo de negócio mais responsável e consciente, a marca pretende alcançar novos objetivos até 2025, tais como: conseguir que o algodão utilizado seja 100% de origem sustentável e que 50% do poliéster seja reciclado. Da mesma forma, até 2030, a marca pretende que as fibras celulósicas utilizadas provenham de uma origem controlada.

Este lançamento representa mais um passo num caminho que a marca tem vindo a traçar há vários anos, na intenção de continuar a evidenciar o seu compromisso em prol de uma indústria mais sustentável e menos poluente.

Partilhar Artigo:
Fechar