Revista Rua

2018-08-31T17:55:12+01:00 Cultura, Música

O jazz de Mário Costa chega ao Capitólio

Reconhecido como uma referência da bateria no jazz europeu, Mário Costa apresenta “Oxy Patina”
Redação30 Agosto, 2018
O jazz de Mário Costa chega ao Capitólio
Reconhecido como uma referência da bateria no jazz europeu, Mário Costa apresenta “Oxy Patina”

Depois de, nos últimos anos, ter-se destacado por acompanhar, na bateria, artistas de referência nacional como António Zambujo, Miguel Araújo ou Ana Moura, construindo um percurso musical que já conta as mais prestigiadas salas do mundo, Mário Costa lança o seu disco de estreia Oxy Patina, apresentando-o, a 12 de setembro, no Capitólio, em Lisboa.

Com uma carreira no universo do jazz que coloca em evidência o seu talento, já que nos últimos anos integrou de forma contínua várias formações nacionais, como Ensemble Super Moderne, Hugo Carvalhais Nebulosa e Gileno Santana Metamorphosis, e ainda o super-grupo revelação do jazz europeu Emile Parisien (Sfumato foi considerado álbum do ano nos prémios franceses Victoires du Jazz), Mário Costa estreia-se agora em nome próprio e como compositor com o álbum Oxy Patina.

A 12 de setembro, no Capitólio, Mário Costa fará a apresentação do Oxy Patina, um concerto integrado na programação da European Jazz Conference, que este ano decorre em Lisboa. O artista estará acompanhado por duas figuras incontornáveis do jazz europeu: Benoît Delbecq, no piano, e Bruno Chevillon, no contrabaixo.

Pode ouvir Oxy Patina aqui.

Partilhar Artigo: