Revista Rua

2020-12-22T16:03:05+00:00 Radar

O Natal em 12 episódios especiais de séries de televisão

Quem sabe a coreografia de Monica e Ross Geller em Friends?
Redação22 Dezembro, 2020
O Natal em 12 episódios especiais de séries de televisão
Quem sabe a coreografia de Monica e Ross Geller em Friends?

Desde os princípios dos tempos que os episódios especiais de Natal são os mais esperados numa série. São já considerados tradição da televisão, sobretudo nas séries de comédia como The Simpsons, Friends, Seinfeld, The Office, South Park ou 30 Rock, entre outras, em que o Natal não é só paz e amor. Há peripécias, muitos disparates no sapatinho e um final tipicamente cheio de espírito natalício. A RUA juntou então 12 episódios especiais de Natal de 12 séries de comédia.

Friends, The One with the Routine (1999)

Friends é a série mais conhecida e mais vista da história. Da temporada em que Elle MacPherson participou como a irritante Janine, este episódio de Natal compensa tudo. Enquanto Chandler, Rachel e Phoebe procuram os presentes no apartamento de Monica, ela e o irmão Ross estão nas gravações de um programa de televisão e fazem tudo para garantir que aparecem no ar – até “a” coreografia, uma dança hilariante ao estilo dos anos 80 que já rendeu aos seus fãs muitas tentativas. Um episódio cheio de gargalhadas, muita dança, contratempos e, claro, o fim natalício ao estilo de Friends.

Seinfeld, The Strike (1997)

E agora para comemorar algo ligeiramente diferente… Feliz Festivus! A celebração inventada pelo pai de George Costanza, que tradicionalmente acontece no dia 23 de dezembro. Segundo a personagem troca-se a árvore de Natal por um varão e por um jantar desagradável. É evidente dizer que é um dos mais geniais episódios de Seinfeld.

How I Met Your Mother, How Lily Stole Christmas (2006)

Não iremos dar spoilers, mas não é neste episódio que realmente se descobre quem é a mãe… No entanto, é imperdível. Cheio de comédia e irreverência, How I Met Your Mother lança um novo episódio inspirado no livro de 1957 How Grinch Stole Christmas e conta como o protagonista Ted é banido do Natal com o grupo de amigos depois de chamar Lily o pior nome possível: Grinch. O arquiteto tem de ir para Staten Island passar a consoada com a família chanfrada. E é – “wait for it… legendary”, como diria o Barney.

30 Rock – Secret Santa (2009)

Baseada em experiências de Tina Fey como argumentista do programa de televisão humorístico Saturday Night Live, a série foca-se na jovem Liz Lemon, chefe de uma comédia ao vivo em Nova Iorque cheia de complicações e revira voltas. Não poderíamos esperar outra coisa neste episódio especial. Julianne Moore participa neste episódio – o que por si só já garante uma menção nesta lista natalícia. Mas há mais: há o complicadíssimo jogo de troca de presentes Secret Santa de Kenneth, o obediente, pateta, beato e sulista empregado da NBC.

 

The Simpsons, She of Little Faith (2001)

Here comes The Simpsons”. Claramente não nos iríamos esquecer desta emblemática série. São imensos os episódios natalícios da série de animação The Simpsons, já que esta família disfuncional de Homer e Marge gosta de celebrar o Natal. Mas, neste episódio, Lisa desilude-se com a Igreja e vira-se para o budismo, com a ajuda do seu novo amigo Richard Gere, começando uma reviravolta e diversos questionamentos ao longo de todo o episódio.

The Office, Secret Santa (2009)

É o escritório mais divertido de toda a televisão. Imaginemos o cenário: Amigo Secreto no escritório que tem tudo para dar errado. A coisa já começa mal quando Jim promete a Phyllis que ela pode ser o Pai Natal e só piora (ou melhora) ao longo dos 22 minutos do episódio de 2009.

Community, Abed’s Uncontrollable Christmas (2010)

Uma comédia inteligente sobre um advogado cujo diploma foi revogado e retorna para a universidade, acabando por aprender muito mais sobre si do que sobre o trabalho do curso. Na época natalícia, o excêntrico Abed acorda a ver o mundo em stop-motion. Neste episódio natalício da comédia de culto de Dan Harmon, o grupo de estudantes de uma faculdade envolve-se numa aventura cheia de humor, amor e muitas referências à cultura pop.

Cheers, Christmas Cheers (1987)

Os empregados deste bar acolhedor em Boston, onde toda a gente sabe o nome de toda a gente, são obrigados a trabalhar na véspera de Natal pela nova patroa, Rebecca Howe e não ficam contentes. Mas tudo acaba com os funcionários e os clientes habituais a verem o clássico Do Céu Caiu Uma Estrela, de Frank Capra, na televisão do bar, um final natalício que nos aquece o coração.

Frasier, Merry Christmas, Mrs. Moskowitz (1998)

A série revela-nos um psiquiatra que apresenta um programa de rádio e transmite sagacidade e sabedoria aos ouvintes, no entanto, tem dificuldades em lidar com seus próprios problemas: o pai, o irmão pretensioso, os seus amigos e colegas de trabalho. Neste episódio natalício, uma senhora adorável quer fazer um arranjinho entre a filha e Frasier, pensando que ele é judeu. O mais engraçado é que ele não é judeu, mas faz-se passar por tal, o que desencadeia um Natal pouco dado a sentimentalismos e mais dado a confusão.

It’s Always Sunny in Philadelphia, A Very Sunny Christmas (2010)

Charlie, Mac, Dennis, Sweet Dee e Frank não são bons em nada apesar da sua constante tentativa de seguir em frente na vida com métodos não convencionais, acabando por arruinar sempre tudo. Desonestos, egoístas, gananciosos, mesquinhos, ignorantes, preguiçosos e criminosos: assim são os quatro amigos que protagonizam a série controversa Nunca Chove em Filadélfia. O Natal podia ser uma época excecional para este grupo de amigos, mas acabam por se meter em mais uma trapalhada.

South Park, Mr. Hankey, The Christmas Poo (1997)

South Park é uma série animada que satiriza com muito humor negro a sociedade americana ao apresentar situações bizarras e surreais protagonizadas por Stan, Kyle, Eric e Kenny, as crianças mais malandras de South Park.

Como judeu, Kyle não se sente bem em participar das celebrações natalícias na escola e sugere cantar sobre Mr. Hankley, o cocó natalício. A ideia desencadeia uma data de peripécias e o miúdo acaba na prisão.

The Fresh Prince of Bel-Air, Deck the Halls (1990)

Acabando com um clássico de Will Smith, este episódio natalício aborda como Will Smith acabou com os natais chiques e conservadores da família milionária de Bel-Air. Will resolve decorar o interior e o exterior da mansão onde vivem, o que desagrada os vizinhos snobs.

Um episódio cheio de comédia, esperança, confusão sempre com o espírito natalício como pauta principal.

 

Partilhar Artigo: