Revista Rua

2019-10-08T18:32:09+01:00 Cultura, Fotografia

Gonçalo Saraiva – O rosto das cidades

Partilhar Artigo:
©Gonçalo Saraiva
Redação4 Outubro, 2019
Gonçalo Saraiva – O rosto das cidades
Partilhar Artigo:

Gonçalo Saraiva explora as cidades, quase diariamente, sob várias perspetivas e sempre com a câmara pronta para qualquer eventualidade. É através da sua página de Instagram que espelha o que vê e nos tenta transmitir o que sente: “Com o Instagram aprendi a olhar para Coimbra (a minha terra) e para outras cidades com um outro olhar e isso permitiu-me descobrir sítios que até então desconhecia”.

Como é que surgiu esta vontade de fotografar as ruas, os locais, as pessoas na rua?

Para quem me conhece e acompanha o meu perfil sabe que a minha paixão dentro da fotografia é fotografar cidades e street/candid photography.

É no meio das cidades, nas ruas, que mais gosto de me movimentar e onde me inspiro. Acho que para quem faz este género de fotografia é preciso conhecer a cidade, as ruas, os becos, o dia-a-dia das pessoas. Uma das coisas que mais gosto ao fotografar cidades é o andar pelas ruas e becos e não saber o que poderei encontrar, tenho que andar sempre com a máquina preparada. Uma oportunidade fotográfica pode estar sempre ao virar da esquina.

As tuas publicações no Instagram são de uma periodicidade quase diária. Isso permite-te (obriga-te) a fotografar todos os dias, a procurar, ou fotografas sem nada planeado?

Não fotografo todos os dias mas muitas vezes tento reservar um dia da semana ou do fim de semana para ir fotografar. Às vezes tenho planos e sítios que quero fotografar mas na maioria das vezes não tenho nada planeado, vou ao “sabor do vento”.

As tuas fotos representam quase sempre as zonas mais urbanas das cidades. É uma escolha? É algo que está mais acessível?

Sim, para mim é algo que está mais acessível e é algo que sempre gostei de fotografar. Com o Instagram aprendi a olhar para Coimbra (a minha terra) e para outras cidades com um outro olhar e isso permitiu-me descobrir sítios que até então desconhecia.

Qual é a cidade que mais gostas de fotografar?

Gosto muito de fotografar em Coimbra, desde logo, por ser a minha cidade, mas também adoro fotografar o Porto e Lisboa. Apesar de já ter fotografado imenso Coimbra e o Porto (Lisboa nem tanto), há sempre algo novo que se pode fotografar, nem que seja de uma nova perspetiva ou com outra luminosidade.

Uma cidade que ainda não tenhas fotografado e está nos teus planos. Porquê?

Boa pergunta, talvez Sintra, Braga, Viseu ou Guimarães.

Partilhar Artigo: