Revista Rua

2019-01-28T15:26:14+00:00 Cultura, Música, Radar

Origens de Ricardo Formoso abre o II Ciclo de Jazz de Valença

©Miguel Estima
Miguel Estima
Miguel Estima28 Janeiro, 2019
Origens de Ricardo Formoso abre o II Ciclo de Jazz de Valença

No passado sábado, 26 de janeiro, o auditório do CILV (Centro Inovação e Logística Valença), da Escola Superior de Ciências Empresariais acolheu o primeiro concerto do segundo ciclo de Jazz de Valença. Honras de abertura para o trompetista da Corunha, Ricardo Formoso. O galego apresentou o primeiro disco de originais Origens editado pelo Carimbo Porta-Jazz, acompanhado por Carlos Azevedo ao piano, João Cação no contrabaixo e por Rui Lúcio na bateria.

Uma noite de jazz ibérico com uma identidade muito própria e uma plateia atenta e curiosa que se deslocou até Valença para ouvir jazz com a qualidade que a Associação Porta Jazz  já nos tem habituado.

O Ciclo continua com mais três concertos todos eles no último sábado de cada mês e de entrada gratuita. O próximo realiza-se dia 23 de fevereiro com Pedro Neves Trio, que vem apresentar 5:21, na Quinta do Caminho, em Cerdal. No dia 30 de março é a vez de Ploo, com Pele de Papel no auditório do CILV e a terminar, no dia 27 de abril, José Pedro Coelho, com Passarola Voadora na Quinta do Caminho, em Cerdal, este quarteto contará com a presença do pianista galego Xan Campos.

Partilhar Artigo: