Revista Rua

2021-02-11T15:05:56+00:00 Radar

Os locais “secretos” para descobrir em Braga depois do confinamento

A RUA sugere-lhe alguns locais a visitar, depois do confinamento.
Capela Árvore da Vida ©Nuno Sampaio
Redação11 Fevereiro, 2021
Os locais “secretos” para descobrir em Braga depois do confinamento
A RUA sugere-lhe alguns locais a visitar, depois do confinamento.

Por Mariana Sousa Lopes

A cidade de Braga é reconhecida pelos diversos pontos de turismo internacionalmente reconhecidos. Mas existem outros locais na Natureza, como jardins, praia fluvial e miradouros a visitar. A RUA sugere-lhe alguns locais a visitar, depois do confinamento.

Jardins do Museu Nogueira da Silva

O Museu Nogueira da Silva situa-se na Avenida Central de Braga, além das várias obras de arte doadas por António Nogueira da Silva, encontra um jardim exclusivo do museu. Jardim com livre acesso, através da casa-museu, com estátuas, bustos e painéis de azulejos. Ainda pode encontrar várias flores, como camélias, magnólias, que criam uma harmonia tranquilizante a cada visitante.

Capela Árvore da Vida

No interior do Seminário Conciliar de São Pedro e Paulo visite a Capela Árvore da Vida, vencedora do prémio ArchDaily 2011, trabalhada pelos Cerejeira Fontes Arquitetos, o escultor Asbjörn Andresen, a pintora Ilda David e artesãos de Barcelos. A Capela tem uma estrutura peculiar, a simplicidade é encontrada na construção em madeira, mas a complexidade é visível nos bancos, que surgem através da escavação das paredes, como uma gruta. A Capela transmite uma paz única, principalmente ao fim do dia, com um fantástico jogo de luzes, pela construção ser toda encaixada, sem a necessidade de dobradiças.

Galeria Mário Sequeira

Para conhecer um pouco mais de arte contemporânea, Braga tem a Galeria Mário Sequeira, com peças de artistas portugueses e internacionais. Além das exposições rotativas, e com diferentes peças, pode encontrar um extenso jardim projetado pelo arquiteto Carvalho Araújo.

Miradouro do Picoto Braga

Existem vários miradouros pela cidade, como o do Bom Jesus, do Sameiro e o do Picoto. O Monte do Picoto tem uma grande área florestal, com equipamentos para atividade desportiva, mas no miradouro pode usufruir de uma paisagem por toda a cidade.

Rede de Percursos Pedestres de Braga 

Existem recantos por Braga sempre por conhecer, além de uma vida citadina pode aproveitar para fazer percursos pedestres. A Rede de Percursos Pedestres de Braga conta com 280 km, com diversos temas: A Cidade e a Natureza, Caminhos com História, Rios e Montes e Vales. Com diferentes níveis de esforço e zonas a percorrer, pode descobrir mais pormenores com a app Braga Explorer.

Lago do Bom Jesus

O Bom Jesus é reconhecido pelo seu escadório, fontes, grutas e espaços verdes. Mas há um espaço ideal para se esconder da agitação da cidade: o lago do Bom Jesus. Com a possibilidade de dar uma volta de barquinho ou apenas aproveitar do espaço envolvente.

Jardim da Casa dos Biscainhos

Um refúgio com quase um hectare de jardim, que fica na Casa dos Biscainhos. O jardim está dividido em várias zonas: jardim formal, o pomar e a horta. O espaço é reconhecido por um estilo barroco, com fontes, esculturas e um labirinto de canteiros. Uma das flores mais conhecidas do jardim e que mais encanta os visitantes é a Tulipeira da Virgínia, com mais de 250 anos.

Jardim do Mosteiro de Tibães

Um pouco afastado do centro de Braga, o jardim do mosteiro de Tibães é um local de passagem obrigatório. O jardim contém grandes árvores, uma capela, uma escadaria e fontes.  Para uma passagem mais longa, de forma a aproveitar da envolvência da natureza no Mosteiro existe uma hospedaria, um restaurante e espaços para eventos.

Praia Fluvial de Adaúfe

Para se afastar de um quotidiano tão citadino, pode aproveitar uma visita à Praia Fluvial de Adaúfe. A praia é reconhecida pela sua ampla zona de relva e pela beleza natural em todo o envolvente.

Partilhar Artigo: