Revista Rua

2019-10-25T15:00:04+01:00 Cultura, Pintura

Paula Rego regressa a Serralves

Depois de mais de 30 anos desde a sua primeira exposição na Casa de Serralves, a pintora Paula Rego regressa com uma exposição monográfica: "Paula Rego. O Grito da Imaginação."
Paula Rego, The Vivian Girls on the Farm ©Filipe Braga
Andreia Filipa Ferreira25 Outubro, 2019
Paula Rego regressa a Serralves
Depois de mais de 30 anos desde a sua primeira exposição na Casa de Serralves, a pintora Paula Rego regressa com uma exposição monográfica: "Paula Rego. O Grito da Imaginação."

Considerada uma das maiores pintoras do nosso tempo, Paula Rego chega novamente a Serralves com Paula Rego. O Grito da Imaginação, uma exposição que coloca em evidência o núcleo de obras da artista pertencentes à Coleção de Serralves, uma série de gravuras, Pendle Witches (1996) e um tríptico, Shakespeare’s Room (2006), do espólio da Casa das Histórias Paula Rego e propriedade da Câmara Municipal de Cascais, num total de 35 peças.

“O pano de fundo desta mostra incide sobre a capacidade da arte, na sua vertente figurativa, revelar universos onde a surpresa e o espanto se ancoram nos mais básicos e fundamentais anseios da sociedade contemporânea – do papel da mulher nesse universo à capacidade de a arte questionar o quotidiano e a realidade social distorcida”, pode ler-se na descrição da exposição.

Esta é a terceira exposição dedicada a Paula Rego, depois das mostras de 1988 e de 2004. A exposição é organizada pela Fundação de Serralves – Museu de Arte Contemporânea e comissariada por Marta Almeida.

Partilhar Artigo: