Revista Rua

2019-12-02T14:24:31+00:00 Opinião

Petrolhead

Sociedade
João Rebelo Martins
João Rebelo Martins
2 Dezembro, 2019
Petrolhead

O que é ser um Petrolhead?

Enquanto pensa na resposta, imagine o som seco de uma guitarra, um baixo e uma bateria ao fundo. O ritmo é uma constante para um petrolhead; eu diria que o ritmo e a música são uma constante para viver.

Já tem a resposta?

Há quem diga que um petrolhead é uma pessoa que adora motos e automóveis. Quer sejam a sério, quer sejam de brincar ou colecionar, nas mais diversas escalas. E depois ainda há capacetes e fatos de corrida, emblemas, autocolantes, hélices de avião.

As cores, o barulho; um abismo que atrai.

Se calhar um petrolhead também gosta de aviões e naves espaciais. Viu o homem chegar à lua e gostava de estar lá com o Armstrong. Já agora, nave deriva de nau; e se falamos em viagens, de barco, desde os tempos dos fenícios até às rápidas lanchas de powerboat, qualquer uma enche as medidas a qualquer pessoa que se enquadra neste espírito.

Ainda tem a música na cabeça? Troque por Creedence – I heard it through the grapevine – ou por Roadhouse Blues, dos The Doors.

Falávamos de viagens, certo?! Peter Fonda, Dennis Hopper e o fantástico Jack Nicholson, pelos Estados Unidos, de moto. A liberdade, o individualismo. Mais recente, mais real, Ewan Mcgregor e Charley Boorman com as suas viagens.

Vestir uns jeans, uma t-shirt e um casaco de couro. Keep it simple or cool, é olhar o Steve Mcqueen, aparecer no catálogo da Deus e esperar o renascimento dos Porfírios.

É um petrolhead?

Eu sou!

Já guiei um Alfa Romeo, cruzei o Sahara e os Andes de moto, corri em Spa, fui a Nürburgring. Convivi com pessoas com os mesmos sonhos que eu. Ri, chorei, porque a vida é dura e cheia de desafios. Mas valem a pena.

Sim, sou um petrolhead, amo a liberdade e essa será, porventura, a maior característica de um.

Nota: Este artigo não foi escrito segundo o novo acordo ortográfico.

Sobre o autor:
Consultor de marketing e comunicação, piloto de automóveis, aventureiro, rendido à vida. Pode encontrar-me no mundo, ou no rebelomartinsaventura.blogspot.com ou ainda em instagram.com/rebelomartins. Seja bem-vindo!

Partilhar Artigo: