Revista Rua

2021-10-20T12:24:55+01:00 Atelier, Bazar, Em Destaque

Projeto Serra, uma homenagem solidária às tradições serranas

Numa ode às tradições serranas, a coleção conta com quatro modelos inspirados nas serras de Portugal.
©D.R.
Redação20 Outubro, 2021
Projeto Serra, uma homenagem solidária às tradições serranas
Numa ode às tradições serranas, a coleção conta com quatro modelos inspirados nas serras de Portugal.

Por: Diana Ferreira

Projeto Serra é o nome da nova marca portuguesa de roupa e outwear com influência artesanal que pretende relançar “a moda do pastor”. Numa ode às tradições serranas, a coleção conta com quatro modelos inspirados nas serras de Portugal e nas histórias daqueles que nelas vivem.

A marca é assinada por três primos que partilham memórias das mãos sujas de resina das árvores e dos sorrisos empoeirados pela terra seca. Numa coleção-piloto inspirada na natureza que os criou, os primos, já adultos e com carreiras ligadas à área de Marketing e Gestão, lançam-se no mundo da moda. Conscientes dos efeitos poluentes da indústria da moda, os três empresários decidiram doar parte das vendas a ações de sensibilização e de promoção associadas às serras representadas nas roupas.

Com o apoio da Withstand Studio, que assinou todo o conceito criativo da marca, nasceu o Projeto Serra com o objetivo de dar voz e visibilidade aos costumes e gentes das serras e montanhas portuguesas. Movida por uma profunda ligação à terra e à comunidade, a marca procura “promover, proteger e preservar estes espaços naturais”, segundo Tiago Pinto, um dos responsáveis pelo projeto, juntamente com os primos Ricardo Amaral e João Duarte. Para além da vertente comercial, esta iniciativa “tem como missão ajudar a financiar projetos de promoção destes territórios e de ofícios em vias de extinção”.

Tiago Pinto, Ricardo Amaral e João Duarte | ©D.R.

A produção dos quatro modelos de camisolas que compõem a coleção varia conforme as matérias-primas, as tradições e as técnicas de manufatura típicas de cada território. A Camisola Soajo é perfeita para trekking, sendo produzida em malha polar amarelo-torrado 100% polyester reciclado, com bolso no peito e detalhe em burel cinza. Já a Camisola Freita relembra a austeridade dos solos e paisagem da Serra da Freita e as tradicionais capuchas de Burel dos pastores através da paleta de cores creme desta peça. Por sua vez, a Camisola Estrela combate o frio e assegura o aconchego numa ode às lareiras da Serra da Estrela. Finalmente, na Camisola Pico, os verdes das paisagens do arquipélago dos Açores e a energia das suas pessoas estão representados nesta peça. Produzida em malha polar verde e 100% polyester reciclado com bolso no peito com detalhe em algodão riscado colorido, apresenta um botão de vime feito pelas mãos dos melhores e mais autênticos artesãos dos Açores.

Os quatro modelos servem para qualquer género e são produzidos sob boas práticas ambientais. Além das camisolas, o Projeto Serra tem ainda um conjunto de quatro bandeirolas, todas feitas à mão por artesãos locais e apenas por encomenda. De momento, a venda é exclusivamente online, mas em breve todas as peças serão disponibilizadas em pontos de venda próximos das comunidades representadas.

Partilhar Artigo: