Revista Rua

2021-07-08T12:01:09+01:00 Sabores, Vinhos

Quinta da Covela estreia-se nos vinhos biológicos sem adição de sulfitos

A marca anuncia um marco importante com o lançamento do novo Covela Avesso Natur 2019.
©Fernando Donasci Out Of Paper
Redação8 Julho, 2021
Quinta da Covela estreia-se nos vinhos biológicos sem adição de sulfitos
A marca anuncia um marco importante com o lançamento do novo Covela Avesso Natur 2019.

Dando continuidade à filosofia e linha orientadora da Quinta da Covela, em que toda a produção – vinhas, pomares e hortas – é certificada em modo de produção biológica, a marca anuncia um marco importante com o lançamento do novo Covela Avesso Natur 2019.

A nova referência biológica é isenta da adição de sulfitos e marca o compromisso da Lima & Smith, proprietária da quinta. Depois do lançamento do Covela Avesso Reserva Biológico, o Natur vem reforçar a paixão pela casta Avesso e a vontade de a elevar a outro patamar. Além de certificado biológico, o novo vinho destaca-se também pela particularidade de os sulfitos (que habitualmente são utilizados para estabilizar o vinho) terem sido substituídos pela flor de castanheiro, colhidas à mão das árvores da quinta e preparadas pelas equipas de viticultura e enologia da Covela. São flores muito ricas em propriedades antioxidantes, fungicidas e antibacterianas, daí a sua utilização na substituição de sulfitos. Para o enólogo, Rui Cunha: “Com o Covela Avesso Natur, pretendemos, mais uma vez, elevar todo o potencial da casta Avesso. O vinho apresenta-se puro e genuíno, contribuindo como tal à limitação da nossa intervenção, incluindo a não a adição de sulfitos durante todo o processo na elaboração do vinho”.

É das vinhas plantadas em solos graníticos, em forma de anfiteatro natural virado a sul, na margem direita do rio Douro, que a nova referência inicia o seu caminho. Da colheita de 2019, foi selecionado um pequeno lote que fermentou e estagiou em barricas de carvalho (as mais antigas da adega), seguindo posteriormente os métodos tradicionais de vinificação da região. O estágio sobre as borras finas prolongou-se até janeiro do presente ano, altura em que se fez a transfega e o engarrafamento sem filtração, tendo como orientação as datas estabelecidas pelo calendário lunar. O processo resultou numa pequena produção feita com muita dedicação e da qual resultaram apenas 850 garrafas.

O Covela Avesso Natur 2019 apresenta-se numa cor de citrino brilhante, com um aroma limpo, intenso e complexo. No paladar, é seco e com uma acidez viva, estrutura equilibrada e um final fresco. Deve ser servido entre os 12ºC e os 14ºC, casando na perfeição com marisco, peixe grelhado ou até uma clássica Quiche Lorraine.

A acompanhar este lançamento, há ainda mais duas referências emblemáticas da marca para conhecer: o Covela Avesso e o Covela Touriga Nacional Rosé, ambos da colheita de 2020. O primeiro é um monovarietal dessa casta que tem tanto de característico como de particular, pelo que quando bem trabalhada oferece vinhos que marcam a diferença. Trata-se de um vinho de perfil gastronómico, dinâmico, fresco e elegante. Já o Covela Touriga Nacional Rosé 2020 é também um monovarietal daquela que é uma das mais reconhecidas castas nacionais. A fermentação espontânea em cuba de inox e o estágio sobre as borras finais até janeiro deste ano são algumas das especificidades deste vinho. É ainda reconhecido pela sua cor pálida, revelando-se um rosé seco e gastronómico.

Todos os vinhos vão estar disponíveis nos espaços comerciais habituais, assim como na loja online da marca.

Partilhar Artigo: