Revista Rua

2020-05-07T09:26:31+00:00 Atelier, Moda, Radar

Sömmer: a delicadeza de peças minimalistas e intemporais

Criada por Sofia Bartolo, uma portuguesa que vive atualmente em Madrid, as joias da Sömmer são peças clássicas e intemporais.
Redação
Redação7 Maio, 2020
Sömmer: a delicadeza de peças minimalistas e intemporais
Criada por Sofia Bartolo, uma portuguesa que vive atualmente em Madrid, as joias da Sömmer são peças clássicas e intemporais.

“Com similitude a um livro ou pintura, uma joia pode evocar um sentimento, na medida em que encerra, em si, uma narrativa. Esse relato, talhado por mãos artesãs, está submerso em amor desde o primeiro instante. É reflexo de paixão, tempo e dedicação”. É desta forma que a Sömmer, uma marca de joalharia portuguesa, se apresenta ao público.

Projetada manualmente, a marca resulta de uma fusão da arte da porcelana com o amor e a delicadeza de peças minimalistas e femininas. Criada por Sofia Bartolo, uma portuguesa que vive atualmente em Madrid, as joias da Sömmer são peças clássicas e intemporais, que albergam uma história de amor. História essa que começa no atelier, onde cada detalhe é pensado ao pormenor, e continua a ser escrita por quem as virá a usar.

Com designs muito próprios, todas as joias são em ouro e porcelana, inspiradas na luz e na vontade de esculpir cada detalhe como algo que é muito especial. A Sömmer tem já quatro coleções principais, destacando a linha Hera, inspirada na serenidade e que desvenda alguns dos bestsellers da marca, seguindo-se Selena Collection, uma linha baseada na delicadeza de peças intemporais, ou a linha Luzia que também é muito especial e apresenta-se como um reflexo da suavidade da luz solar ao nascer do dia. Um pouco diferente, é a linha Timanfaya, que representa a beleza da natureza na sua forma mais glamorosa: forte e intensa.

As peças Sömmer podem ser encontradas nas lojas físicas em Madrid e também no site da marca.

Partilhar Artigo: