Revista Rua

2019-01-21T16:00:52+00:00 Cultura, Música

Tamar Aphek navegou alto no MAR

©Miguel Estima
Miguel Estima
Miguel Estima21 Janeiro, 2019
Tamar Aphek navegou alto no MAR

No passado sábado, 19 de Janeiro, o Movimento Artístico de Refoios (MAR), juntamente com a Associação Artística Limiana (CAL), uniram novamente esforços e criaram um noite épica. Desta vez subiam ao palco Palas e a a israelita Tamar Aphek.

Filipe Palas, nome incontornável da música bracarense, tendo feito parte de projetos como Smix Smox Smux e Máquina del Amor, assumiu o controle do palco no arranque da noite. Num som perfeitamente embebido de Rock N’ Roll por todos os lados, o ritmo foi crescendo numa mistura de memórias e delírios.

Pouco passava da meia-noite quando a Tamar Aphek, artista israelita com um gigantesco percurso dentro do rock alternativo, se apresentou em palco. Em formato trio, veio apresentar temas transversais da sua já vasta carreira, sendo conhecida dos lendários Carusella, banda formada em 2007, tendo mais tarde passado por Portugal onde atuou no Milhões de Festa, Barreiro Rocks ou Mucho Flow. O concerto curto e incisivo, de pouco mais de uma hora, elevou muito a fasquia do já prestigiado movimento  alternativo que está a ser criado em espaços como o MAR em Refoios.

Fotografia: ©Miguel Estima

Partilhar Artigo:
Fechar