Revista Rua

2021-01-13T17:46:10+00:00 Cultura, Outras Artes

Teatro Viriato assinala Aniversário da Arte com programação especial

O programa multidisciplinar “1 000 058.º Aniversário da Arte” já se encontra disponível no site oficial do Teatro Viriato.
Redação
Redação13 Janeiro, 2021
Teatro Viriato assinala Aniversário da Arte com programação especial
O programa multidisciplinar “1 000 058.º Aniversário da Arte” já se encontra disponível no site oficial do Teatro Viriato.

Por Sofia Rodrigues

O Teatro Viriato inicia o novo ano com a celebração do “1 000 058.º Aniversário da Arte”, no dia 17 de janeiro. A iniciativa propõe a celebração do nascimento da arte com um programa especial acessível a todos no SubPalco (palco digital do Teatro Viriato no Youtube).

Segundo o artista francês Robert Filliou, seguidor da corrente artística Fluxus, há um milhão e cinquenta e oito anos, precisamente a 17 de janeiro, alguém deixou cair uma esponja seca numa tina com água e a arte nasceu.

Desde 1963 que muitos artistas celebram este dia das mais variadas formas – com (re)encontros, exposições, happenings, concertos, intervenções artísticas, etc. – e foi precisamente por isso que, a 17 de janeiro de 1974, o multifacetado artista Ernesto de Sousa, um defensor de sinergias entre gerações de artistas e um apologista de uma arte experimental e livre, organizou o 1 000 011.º Aniversário da Arte no Círculo de Artes Plásticas de Coimbra (CAPC), a primeira iniciativa a assinalar esta data em Portugal.

“Neste primeiro trimestre, abrimos o ano com a celebração do ‘1 000 058.º Aniversário da Arte’ e a partir daí brindaremos sempre ao encontro pela arte e pela palavra, tentando sempre manter a porta aberta, assim como todos os restantes canais de comunicação disponíveis, acaso a porta física do edifício tiver de voltar a fechar”, explica Patrícia Portela, diretora artística do Teatro Viriato.

No dia 17 deste mês, o Teatro Viriato conta com uma programação especial resultante das escolhas de diversos parceiros como o Cine Clube de Viseu, a Companhia Paulo Ribeiro, o Museu Nacional Grão Vasco, a Sérgio Hydalgo/Galeria Zé dos Bois, o Carmo’81, os Jardins Efémeros, o Museu do Côa, assim como Artistas Associados e Artistas Residentes.

Entidades que, como refere a diretora artística do Teatro Viriato, Patrícia Portela, são “referências incontornáveis de resistência e inovação artística e cultural no país”.

Cada um destes parceiros lançou o seu convite a um artista para que suba ao palco digital do Teatro Viriato com a sua arte.

O programa multidisciplinar “1 000 058.º Aniversário da Arte” já se encontra disponível no site oficial do Teatro Viriato.

Partilhar Artigo: