Revista Rua

2019-12-11T11:00:56+00:00 Cultura, Outras Artes

Theatro Circo com Manel Cruz, Moon Duo, Variações e Capicua em 2020

A programação do Theatro Circo, em Braga, traz nomes nacionais e internacionais de relevo.
Capicua
Andreia Filipa Ferreira11 Dezembro, 2019
Theatro Circo com Manel Cruz, Moon Duo, Variações e Capicua em 2020
A programação do Theatro Circo, em Braga, traz nomes nacionais e internacionais de relevo.

Em 2020, a muitas vezes apelidada como “a mais bela sala de espetáculos do país” comemora os seus 105 anos e a programação de arranque de 2020 faz jus ao acontecimento: a revelar um dos anos mais fortes a nível de programação do Theatro Circo, os primeiros meses trazem a palco projetos nacionais e internacionais de excelência.

Manel Cruz

Logo no início de janeiro, no dia 4, Manel Cruz, o icónico vocalista dos Ornatos Violeta, apresenta-se em palco com o disco Vida Nova, depois de um hiato de sete anos. Depois, a 10 de janeiro, Chris Eckman (dos The Walkabouts), Chantal Acda (Isbells) e Eric Thielemans (EARR Ensemble) dão vida ao projeto Distance, Light & Sky, trazendo na bagagem o segundo álbum Gold Coast. Já perto do final do mês, a 24 de janeiro, a peça Vidas Íntimas, de Noël Coward, com encenação de Jorge Silva Melo (Artistas Unidos) e com os atores Rúben Gomes, Rita Durão, Tiago Matias, Vânia Rodrigues e Isabel Muñoz Cardoso no elenco é o destaque da programação.

Em fevereiro, as boas-vindas são para Patrícia Barber, uma das mais conceituadas pianistas e cantoras de jazz, no dia 1. Depois, no dia 8, o ator português Sérgio Praia veste a pele de António Variações trazendo a banda sonora do filme que foi sucesso de bilheteiras neste verão ao palco do Theatro Circo. A ele juntam-se os músicos Duarte Cabaça, David Santos, Vasco Duarte e Armando Teixeira.

No dia dos namorados, 14 de fevereiro, a mãe do hip-hop nacional, Capicua, apresenta-se no palco com Madrepérola, enquanto que a 29 de fevereiro os portugueses Grandfather’s House encerram a programação do mês com um espetáculo rodeado de artistas como Selma Uamusse, Paulo Furtado, Cláudia Guerreiro, Emmy Curl e Pedro Oliveira.

Março, mês de embate sónico: a dia 12, Moon Duo, o projeto que junta Sanae Yamada e Ripley Johnson, chega ao Theatro Circo com as suas melodias psicadélicas, enquanto que, a 28 de março, os bracarenses Mão Morta regressam ao Theatro Circo com o seu novo trabalho No Fim era o Frio.

Nos destaques de abril, realce para Sessa, o músico brasileiro fundador do grupo Garotas Suecas e colaborador regular de Yonatan Gat, estreia-se a solo com o disco Grandeza, e chega a Braga no dia 9 de abril.

Em maio, logo no início do mês, no dia 2, noite dupla com Ziggy Alberts e Christopher Paul Stelling. No fim, a 23 de maio, é a vez de Salvador Sobral apresentar Paris, Lisboa em Braga, com os músicos Júlio Resende, André Rosinha e Bruno Pedroso.

Partilhar Artigo: