Revista Rua

2019-12-03T22:22:45+00:00 Gastronomia, Sabores

Um cruzamento de culturas no novo menu do restaurante GEOGRAPHIA

Com inspiração nos países lusófonos, o restaurante GEOGRAPHIA leva-nos a uma viagem por quatro continentes.
Redação
Redação3 Dezembro, 2019
Um cruzamento de culturas no novo menu do restaurante GEOGRAPHIA
Com inspiração nos países lusófonos, o restaurante GEOGRAPHIA leva-nos a uma viagem por quatro continentes.

Texto: Inês Rodrigues

Situado em Lisboa, entre a Lapa, Janelas Verdes e Santos, o restaurante Geographia homenageia a riqueza global da gastronomia portuguesa, uma das primeiras cozinhas de fusão do mundo. Nesta estação, a nova carta traz influências portuguesas, mas também angolanas, brasileiras, cabo-verdianas, goesas, macaenses, moçambicanas, são-tomenses e timorenses, numa tentativa de glorificar as tradições culturais e gastronómicas dos países de língua portuguesa.

Uma das grandes novidades é o novo “Menu de degustação dos 4 continentes”, que convida a uma viagem pelos países onde se fala português e começa com Sapateira, passa pelo Escondidinho de puré de mandioca com camarão e queijo catupiry caseiro, de raízes sul-americanas e, em representação do continente asiático, o Pato do Rio das Pérolas com molho de ostra e arroz chau-chau. De África vem a já emblemática Mousse de chocolate de São Tomé com o seu salame (menu a 35 euros por pessoa).

No que diz respeito aos pratos de peixe, as novidades deste restaurante de celebração da lusofonia são a Moqueca de peixe à moda da Guiné-Bissau ou os Pastéis de bacalhau e mandioca com arroz malandrinho de peixe.

Da nova carta faz parte, ainda, a “Salada dos 4 continentes”, com uma variedade de vegetais, fruta e um vinagrete de laranja, mel e coco. Para os mais pequenos está disponível o Menu dos Pequenos Viajantes, composto por Sopa dos navegadores, Frango com arroz colorido, Peixe do dia com vegetais e a tradicional Mousse de chocolate de São Tomé.

Aos sábados, o GEOGRAPHIA continua a servir o seu rodízio de feijoada brasileira, com um custo de 15 euros por pessoa.

Curiosidade: O desenho do logótipo, o rinoceronte, simboliza o cruzamento de culturas que inspira o restaurante. É um desenho de Albrecht Dürer que foi presenteado por um príncipe indiano ao Rei Dom Manuel I em 1515.

Partilhar Artigo: