Revista Rua

2019-10-25T15:34:11+01:00 Cultura, Música

Uma noite de Halloween ao som de La Zowi e Ms Nina

Na noite de 31 de outubro, as artistas espanholas La Zowi e Ms Nina atuam em Braga, no Theatro Circo, num espetáculo que promete marcar a noite de Halloween.
Redação25 Outubro, 2019
Uma noite de Halloween ao som de La Zowi e Ms Nina
Na noite de 31 de outubro, as artistas espanholas La Zowi e Ms Nina atuam em Braga, no Theatro Circo, num espetáculo que promete marcar a noite de Halloween.

Consagradas como nomes da música urbana espanhola da atualidade, as duas artistas vêm ao Theatro Circo apresentar as suas novas mixtapes, numa tentativa de mostrar ao público português a razão da sua popularidade.  Reconhecidas pelos seus espetáculos intensos, repletos de bailarinas, estas duas cantoras têm vindo a projetar o poder feminino na nova música espanhola.

Intérprete de alguns dos hinos da música urbana atual como “Mi Chulo”, “Random hoe” ou “Obra de arte”, La Zowi, ou Zoe Jeanneau, é uma artista hispano-francesa sediada em Madrid que explora finalmente todo o seu potencial em Ama de Casa, o seu primeiro álbum, com selo da La Vendicion, editora de artistas consagrados como Flynt Hustle ou Yung Beef. La Zowi é uma desafiadora dos tabus existentes nas nossas sociedades, quer sejam elas portuguesas ou espanholas.

Ms Nina, natural da Argentina, vive atualmente em Espanha, país onde se tem afirmado como uma das principais referências da música urbana. Com os seus temas a atingir os lugares altos do Spotify e vídeos a alcançar as centenas de milhares de visualizações poucos dias após o lançamento, Ms Nina é já considerada uma das rainhas do reggaeton feminista na Europa e em grande parte da América Latina. Companhia de digressões por todo o mundo com Bad Gyal, e recentemente aliada com o neo perreo chileno de Tomasa del Real, Ms Nina promete fechar a noite com festa e bailarico reggaetonero.

Os bilhetes estão disponíveis a 12€ (6€ com cartão Quadrilátero) na bilheteira do Theatro Circo, nos locais habituais e em theatrocirco.bol.pt

Partilhar Artigo: