Revista Rua

2021-04-01T11:01:57+01:00 Cultura, Teatro

Universo Paralelo estreia espetáculo para crianças no Museu da Marioneta

Australopiteco, destinado a famílias com crianças com mais de 6 anos, introduz temas como a diferença e o respeito pelo outro.
©D.R.
Redação1 Abril, 2021
Universo Paralelo estreia espetáculo para crianças no Museu da Marioneta
Australopiteco, destinado a famílias com crianças com mais de 6 anos, introduz temas como a diferença e o respeito pelo outro.

Australopiteco, a mais recente criação da companhia Universo Paralelo, destinada ao público infantil, tem estreia marcada no Claustro do Museu da Marioneta, em Lisboa, a 8 e 9 de maio, às 10h30. No dia 9 de maio, o espetáculo contará com interpretação em Língua Gestual Portuguesa e Audiodescrição. Para além das sessões para famílias, Australopiteco terá ainda duas sessões para escolas, a 6 e 7 de maio.

Com texto e encenação de Adriana Melo e curadoria de texto de Alice Vieira, Australopiteco é um espetáculo de teatro que procura refletir sobre a diferença e como reagimos perante a mesma. Com uma narrativa que intercala a realidade com a ficção e uma linguagem que se posiciona entre o quotidiano e o poético, o espetáculo explora artisticamente o tema da diferença, procurando suscitar nos mais pequenos a compreensão do outro, a empatia e o altruísmo.

Com interpretação de Beatriz Brito, Clara Franco, David Teixeira e Magnum Soares, Australopiteco é uma produção da Universo Paralelo, em coprodução com a EGEAC, destinada a famílias com crianças a partir dos 6 anos. Depois da estreia no Museu da Marioneta, o espetáculo parte em digressão, com apresentações no Festival A Salto, em Elvas (a 29 de agosto), no Centro Cultural da Malaposta, em Odivelas (em datas a anunciar) e ainda no Teatro da Voz e na Sede da Associação de Paralisia Cerebral de Lisboa (ambos em novembro deste ano).

Australopiteco é a segunda criação da companhia Universo Paralelo, uma estrutura multidisciplinar e multicultural fundada em 2020 por Adriana Melo e Magnum Soares, dedicada à criação e difusão de obras originais de teatro e dança, destinadas a todos os públicos. A sua primeira criação, A Caravela Desconhecida, um espetáculo de teatro de marionetas e formas animadas para a infância, a partir d’O Conto da Ilha Desconhecida, de José Saramago, estreou em agosto de 2020 e será agora apresentado na Fundação José Saramago, a 12 de junho.

Partilhar Artigo: